PRT17 realiza 2ª Gincana Socioambiental e bate-papo sobre consumo consciente

Na tarde dessa quinta-feira (7), o Ministério Público do Trabalho no Espírito Santo (MPT-ES) apresentou os resultados da 2ª Gincana Socioambiental e realizou um bate-papo sobre  “Consumo Consciente” com Julia Bottecchia, internacionalista proprietária do brechó Desapegue. As atividades foram promovidas pela Comissão Socioambiental da instituição em comemoração ao Dia do Meio Ambiente.

Imprimir

Combate ao trabalho infantil é tema de palestra na Ales

Combater a prática de trabalho infantil e trabalho escravo. É esse o objetivo da 2ª Expo Aprendizagem do Espírito Santo, realizada nesta sexta-feira (15), na Assembleia Legislativa pelo Fórum Estadual de Aprendizagem, de Proteção ao Adolescente Trabalhador e Erradicação do Trabalho Infantil (Feapeti) e com o apoio do Legislativo Estadual.

Imprimir

Educadores participam de capacitação do projeto “MPT na Escola”

Trabalho infantil, programa de aprendizagem, exploração sexual de crianças e adolescentes e o Princípio da Proteção Integral, Trabalho e Atuação Judicial forma alguns dos temas abordados durante dois dias de capacitação do projeto “MPT na Escola”. As oficinas foram realizadas nos dias 11 e 12 de junho, direcionadas a coordenadores pedagógicos, diretores e professores, de sete municípios da Grande Vitória, no auditório da Faculdade Multivix, em Goiabeiras, Vitória.

Imprimir

Daniele Corrêa Santa Catarina toma posse como desembargadora do TRT-ES

Nessa terça-feira (5) foi realizada a posse da ex-procuradora do Ministério Público do Trabalho no Espírito Santo (MPT-ES), Daniele Corrêa Santa Catarina,como desembargadora do Tribunal Regional do Trabalho do Espírito Santo (TRT-ES). A solenidade foi realizada às 13 horas no Gabinete da Presidência do Tribunal Regional do Trabalho da 17ª Região (TRT-ES), em Vitória.

Imprimir

MPT/ES e MPF/ES se reúnem com representantes do movimento dos caminhoneiros

Além de colher informações sobre a paralisação, MPs alertaram os participantes sobre os limites de um movimento paredista e a ilegalidade da incitação para derrubar o regime democrático

Ministério Público Federal no Espírito Santo (MPF/ES)  e o Ministério Público do Trabalho no Espírito Santo (MPT/ES)  se reuniram na tarde desta quarta-feira, 30 de maio, com lideranças do movimento dos caminhoneiros no estado e com o Sindicato dos Transportadores Rodoviários Autônomos de Bens do ES (Sindicam). Além de colher informações sobre a paralisação, os Ministérios Públicos buscaram mediar uma saída, sem maiores traumas, para os atuais problemas enfrentados pela população por conta do movimento paredista.

Imprimir