• denuncias
  • peticionamento
  • protocolo
  • Mediação
  • mov procedimentos
  • autenticidade de documentos
  • autenticidade de documentos
  • lgpd
  • administracao publica
  • fraudes trabalhistas
  • liberdade sindical
  • meio ambiente
  • promocao igualdade
  • trabalho escravo
  • trabalho infantil
  • trabalho portuario
  • Não categorizado
  • Documentário sobre escravidão contemporânea recebe recursos para divulgação
  • Filme Servidao
  • Credenciamento de instituições de ensino estágio
  • Arte intranet Pra Mia
  • Jongo Linhares 8
  • Chamamento público órgaos e entidades
  • FGTS matéria
  • Novos telefones PTMs 3
  • Divulgação feed vermelho
  • WhatsApp_Image_2023-06-06_at_15.50.30.jpeg
  • Exibição e debate do Documentário "Servidão" nesta sexta (1º)
  • Aluno da Serra é premiado em concurso nacional do Ministério Público do Trabalho
  • Estágio no MPT-ES: aberto prazo para credenciamento de instituições de ensino até 5/3
  • MPT-ES adere à campanha de arrecadação de tampinhas para castração de animais
  • Projeto "A poesia do Jongo" promove inclusão e empoderamento na comunidade quilombola do Degredo
  • Chamamento público para cadastro de órgãos e entidades
  • Feira Livre de Trabalho Infantil apresenta resultados de 2023
  • Representante da Polícia Federal faz agradecimento formal ao MPT
  • Reconecta apresenta estratégias para a inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho
  • Versos da Liberdade: poesia e arte transformam vidas em Linhares
  • Valores a receber: MPT-ES e Justiça do Trabalho procuram empregados ativos e dispensados do Centro de Saúde Médico para recebimento de FGTS em atraso
  • ATENÇÃO: atualização dos contatos telefônicos das Unidades do MPT no interior do Espírito Santo
  • MPT-ES tem novo canal de atendimento virtual
  • Alerta de tentativa de fraude

Documentário sobre escravidão contemporânea recebe recursos para divulgação

Decisão ocorre em cumprimento às medidas educativas e preventivas propostas em ACP


A divulgação do documentário “Servidão”, que estreia nos cinemas brasileiros no dia 25 de janeiro, ganhou um reforço com a destinação de recursos financeiros procedentes de uma ação civil pública (ACPCiv 0123000-86.2012.5.17.0141) que o Ministério Público do Trabalho (MPT) ajuizou contra uma fazenda de São Domingos do Norte, no Espírito Santo.

No local, foram resgatados 17 trabalhadores que desempenhavam funções em condições degradantes. Dirigido pelo cineasta Renato Barbieri, o documentário expõe situações de trabalho similar ao de escravo no Brasil por meio de depoimentos de trabalhadores rurais escravizados em áreas de desmatamento na região amazônica.

Na decisão, a Justiça do Trabalho de Colatina (ES) determinou o repasse de R$ 159,5 mil para a Comissão Pastoral da Terra (CPT). Esses valores, que representam parte da indenização por danos morais coletivos, deverão ser utilizados exclusivamente na divulgação do documentário, atendendo às medidas educativas e preventivas ao trabalho análogo ao de escravo previstas na ACP. A Secretaria de Assistência Social de São Domingos do Norte também foi contemplada e deve aplicar recursos em iniciativas de combate e de conscientização sobre a importância de erradicação da escravidão contemporânea.

Responsável pelo acompanhamento da ACP, o procurador do Trabalho Vitor Borges da Silva destaca que a condenação impôs também indenizações individuais como pagamento de verbas rescisórias e indenização por danos morais, recursos que foram destinados aos trabalhadores resgatados. Além disso, a sentença determinou que os proprietários da fazenda cumpram as obrigações trabalhistas e passem a oferecer condições adequadas para os trabalhadores desempenharem as funções.

O documentário “Servidão” é mais uma incursão do cineasta Renato Barbieri no tema da escravidão contemporânea. Anteriormente, ele dirigiu o filme “Pureza”, que conta a história da maranhense Pureza Lopes Loyola, que se tornou ativista para erradicação do trabalho, após uma longa peregrinação em busca de um dos filhos, vítima de escravização.

Assista ao trailer em https://www.youtube.com/watch?v=oGv0KgJ-yDA

00000 cartaz servidao
00000 cartaz servidao

Créditos: Texto da SECOM PGT MPT. 
Foto: cartaz original do documentário




Imprimir

  • administracao publica
  • fraudes trabalhistas
  • meio ambiente
  • trabalho escravo
  • trabalho portuario
  • liberdade sindical
  • promocao igualdade
  • trabalho infantil
  • banner corrupcao
  • banner abnt
  • banner mptambiental
  • banner transparencia
  • banner radio
  • banner trabalholegal
  • MPT em Quadrinhos
  • banner pcdlegal
  • Portal de Direitos Coletivos